Os tetos de vidro na gesto de topo

As gravatas ainda dominam os conselhos de administrao e os lugares de topo das empresas e organizaes. Hermnia Ibarra, professora da escola de negcios Insead, diz que, em mdia, entram nas empresas 50% de mulheres mas, nos nveis intermdios, a participao cai para 30%, na gesto de topo fica apenas 15% e na presidncia as mulheres ocupam apenas 4% dos cargos.

E efeito teto de vidro e a memria evolutiva

O chamado efeito do teto de vidro pode ser uma manifestao clara do enviesamento da liderana masculina que est ainda hoje profundamente enraizado na nossa memria evolutiva produzida pelo nosso passado ancestral e que faz tambm com que muitos lderes modernos, por isso mesmo... falhem!

DEBAR Project Presentation

O Projeto DEBAR! - Destroy the Barriers for Women um projeto pan-europeu, em colaborao com ONG's e Universidades de diferentes pases, destinado a promover a igualdade de gnero e o empowerment das mulheres em ambiente empresarial, tendo em conta a fraca representao feminina em lugares de topo, quer no que respeita a grandes empresas quer em altos cargos do Estado. O projeto oferece mtodos de formao inovadores que obviem a situao identificada, com vista a destruir as barreiras, especialmente as que so auto impostas. assumido que, trabalhando nas competncias de gesto e na auto confiana das destinatrias, elas podero ser apoiadas num avano confiante nas suas carreiras.

Igualdade de Gnero: Guia de Boas Prticas e Responsabilidade Social para Empresas

Em concordncia com o IV Plano Nacional para a Igualdade, Gnero, Cidadania e No Discriminao, rea estratgica n 2 ? Independncia Econmica, Mercado de Trabalho e Organizao da Vida Profissional, Familiar e Pessoal ? a AHME tem vindo a desenvolver atividades no sentido de sensibilizar e ajudar a promover a igualdade de oportunidades e de tratamento no mercado de trabalho, na conciliao entre a esfera profissional, a vida familiar e pessoal, bem como no domnio dos usos do tempo (nomeadamente ao nvel da conciliao da vida familiar e profissional). Assim, a AHME desenvolveu um guia de boas prticas para as empresas, intitulado ?Igualdade de Gnero: Guia de Boas Prticas e Responsabilidade Social para Empresas?. Este guia tem como objetivo facilitar a integrao da perspetiva de gnero, potenciando a conscincia de Empresa Socialmente Responsvel. Apresenta uma srie de recomendaes e orientaes destinadas a garantir uma maior igualdade de oportunidades, de tratamento e de resultados entre trabalhadores e trabalhadoras. O objetivo central reduzir as desigualdades de gnero nas empresas, atravs da implementao de um amplo conjunto de boas prticas em perspetiva de gnero, de forma transversal.

Igualdade +: Qualidade e Igualdade em Contexto Escolar

No mbito do Projeto Equal Rights & Equal Duties, cofinanciado pelo Estado Portugus e pelo Fundo Social Europeu, tendo como organismo intermdio a Comisso para a Cidadania e Igualdade de Gnero (CIG), a AHME desenvolveu o "Igualdade +: Qualidade e Igualdade em Contexto Escolar". Este manual dirigido a alunos e alunas do 3 ciclo do ensino bsico e transversal ao currculo das diferentes disciplinas. Pretende incorporar a perspetiva de gnero na educao atravs de um conjunto de atividades que visam promover a reflexo, a construo e o desenvolvimento de atitudes, valores e pensamentos onde exista uma viso igualitria do gnero. Ao longo do manual so propostas atividades a serem desenvolvidas pelos professores e professoras, com os respetivos alunos e alunas, sobre a igualdade de gnero, distribudas por 6 temas: A. Gnero e Sade; B. Violncia em relaes de intimidade; C. Segregao de profisses; D. Igualdade de oportunidades no acesso ao mercado de trabalho; E. Trfico humano para fins sexuais e laborais; F. Participao do homem na vida familiar e participao da mulher na vida profissional.

Os culos da Igualdade: Guia de Anlise de Manuais Escolares em Perspetiva de Gnero

No mbito do Projeto Equal Rights & Equal Duties, cofinanciado pelo Estado Portugus e pelo Fundo Social Europeu, tendo como organismo intermdio a Comisso para a Cidadania e Igualdade de Gnero (CIG), a AHME desenvolveu o "Os culos da Igualdade: Guia de Anlise de Manuais Escolares em Perspetiva de Gnero". Com este guia pretende-se convidar os professores e as escolas a olharem para os manuais escolares e materiais pedaggicos segundo uma perspetiva de gnero, analisando de que forma os seus contedos, atendendo tanto componente textual como grfica, podero estar ou no a perpetuar esteretipos de gnero, promotores de desigualdades sociais. constitudo por uma checklist de anlise dos manuais e materiais pedaggicos e do respetivo manual de utilizao.

I Relatrio Diferenciaes Salariais por Ramos de Atividade ?para trabalho igual salrio igual?

A Resoluo do Conselho de Ministros n. 13/2013, publicada em 8 de maro (RCM13/2013), aprovou um conjunto de medidas que tm em vista garantir e promover a igualdade de oportunidades no mercado de trabalho entre homens e mulheres, entre as quais, a elaborao de um relatrio sobre diferenciaes salariais por ramos de atividade (alnea a) do seu n.1). O Relatrio faz um retrato nacional no que diz respeito s diferenas remuneratrias verificada entre homens e mulheres nas diferentes atividades econmicas, mediante a anlise dos dados dos quadros de pessoal.

Sade e Violncia de Gnero - Seminrio em Faro

No dia 20 de Junho a AHME esteve em Faro para realizar o Seminrio Sade e Violncia de Gnero, no Gabinete de Bairro em Faro. Aqui disponibilizamos a apresentao das Oradoras Patrcia Silva (Psicloga especializada em violncia conjugal e no atendimento, encaminhamento e apoio a vtimas) e Fernanda Branco (perita medico-legal).

Seminrio Sade e Violncia de Gnero - O Amor e os Esteretipos de Gnero

No dia 9 de Maio decorreu no auditrio da Escola Secundria de Caldas de Vizela o seminrio "Sade e Violncia - Namoro", que contou, em termos de oradores/as, com a Dra. Ana Machado (psicloga do gabinete de encaminhamento a vtimas de violncia domstica de Vizela), Prof. Doutor Jos Pinto da Costa (professor catedrtico e mdico especialista em medicina legal) e Dra. Helena Ribeiro e Dr. Fernando Carvalho (mdicos da unidade de sade familiar de Vizela). Este seminrio enquadra-se no Projeto Equal Rights & Equal Duties, financiado pelo Estado Portugus e pelo FSE, tendo resultado de uma parceria entre a AHME e a Cmara Municipal de Vizela. De seguida disponibilizamos a apresentao da Dra. Ana Machado sobre o amor e os esteretipos de gnero.

Seminrio "Sade e Violncia de Gnero"

Apresentao do seminrio realizado no dia 14 de Maio de 2014, no auditrio da Escola Ades Bermudes em Alcobaa, pelas Oradoras Catarina Louro e Joana Correira, tcnicas de projetos na rea da violncia domstica da Associao Mulher Sculo XXI. Este seminrio enquadra-se no Projeto Equal Rights & Equal Duties, financiado pelo Estado Portugus e pelo FSE, tendo resultado de uma parceria entre a AHME, a Cmara Municipal de Alcobaa e a Associao Mulheres Sculo XXI.